O Ministério da Saúde e a sua importância para o desenvolvimento da inovação no país

O Núcleo Avançado de Inovação Tecnológica do IFRN (NAVI) promoveu, no último dia 25 de março o evento científico “O Ministério da Saúde e a sua importância para o desenvolvimento […]

Data
Local
UFRN

O Núcleo Avançado de Inovação Tecnológica do IFRN (NAVI) promoveu, no último dia 25 de março o evento científico “O Ministério da Saúde e a sua importância para o desenvolvimento da inovação no país”. O evento reuniu diversos estudantes, pesquisadores, comunidade acadêmica e a população geral.

O palestrante, o professor Jocelino Menezes, destacou a importância de instituições de pesquisa como o NAVI/IFRN: “O NAVI desenvolve um papel que é de extrema importância para o Ministério da Saúde, pois é a partir de instituições de pesquisa como o NAVI que o Ministério consegue induzir e fomentar suas políticas de pesquisas e inovações. É por meio de parcerias como estas que são gerados resultados científicos de alto impacto e que podem melhorar cada vez mais o atendimento à população brasileira e fortalecer o SUS.”.

Para além da palestra, houve também momentos de interação, de discussão de resultados, bem como outras ações de intercâmbio de experiências, os quais foram possíveis em virtude deste evento.

Neste espaço, foram discutidos vários temas relacionados à pesquisa e inovação e sobre a visão do Ministério da Saúde sobre estes pontos. A coordenação do projeto do Projeto miRNA também apresentou os principais resultados, impactos e perspectivas do mesmo. Além disso, tendo como pano de fundo a palestra realizada, foi possível discutir a importância do projeto para aprimorar o processo diagnóstico na Atenção Primária em Saúde.

O evento contou com a presença de vários pesquisadores e alunos tendo sido uma ótima oportunidade para enriquecimento sobre os desafios científicos da atualidade, principalmente no que se refere às medidas de inovação adotas pelo Ministério da Saúde no incentivo a projetos dessa natureza e a relação direta com vários projetos do NAVI/IFRN. O professor Higor Morais, coordenador adjunto e pesquisador do NAVI, ressaltou que “é muito importante que nós tenhamos sempre que possível eventos e discussões dessa natureza para podermos conhecer os desafios que se apresentam e de que forma podemos contribuir. Neste evento em particular, foi possível apresentar mais informações à comunidade acadêmica sobre o andamento do Projeto Mirna e nossas expectativas”.